Começamos o ano de 2015 cientes de que teremos um agravo na atual crise da energia elétrica.

Enquanto aguardamos a conclusão de obras importantes do setor de geração e distribuição de energia e nos preparamos para medidas de racionamento e possíveis cortes do fornecimento, podemos avaliar quais ações que o setor de habitação pode fazer para minimizar os problemas e reduzir o consumo de energia.

Nos edifícios residenciais e comerciais, os elevadores são responsáveis por uma parte significativa do consumo de energia das áreas comuns.

Podemos dizer que a potência de um elevador médio residencial (10HP) é equivalente a 300 lâmpadas de 25W.

Em um edifício comercial, onde as cabines são maiores e existem mais pavimentos, esta potência é pelo menos 75% maior.

Então uma otimização do uso dos elevadores leva a uma economia significativa no consumo de energia do condomínio.

Neste ponto, não basta apenas o uso consciente do sistema, devemos lembrar das limitações tecnológicas dos equipamentos.

O Brasil tem hoje em torno de 280 mil elevadores e uma significativa parte deles está obsoleta e usa tecnologias que consomem muito mais energia do que o necessário, além de não terem recursos de otimização, como por exemplo o cancelamento de chamadas falsas.

Uma solução para esta falta de otimização no uso da energia elétrica pelos elevadores mais antigos é a modernização tecnológica.

A modernização do sistema de comando e de tração do elevador transforma equipamentos antigos, que funcionam com relés e motores elétricos ineficientes, em sistemas com comando eletrônico digital e acionamento otimizado do motor de tração.

A redução no consumo de energia elétrica após a modernização costuma ser da ordem de 30% a 40%.

Esta economia se soma a outras reduções diretas, como o tempo de espera do usuário no hall, que em edifícios mais atuais conta com iluminação controlada pela presença, e outras indiretas, como o número de chamados de manutenção corretiva.

Além disso, a modernização permite uma maior disponibilidade do elevador, elimina ruídos excessivos, movimentos bruscos, desnivelamento de parada e possibilita viagens mais confortáveis, rápidas e seguras.

A mobilização de toda a sociedade em busca da utilização racional e otimizada de nossos recursos é um desafio constante, mas somente assim é que poderemos garantir que estes recursos estejam disponíveis não somente hoje, mas também para as gerações que se seguem.

Fonte: www.elevadoresmais.com.br

610 View